fbpx

IBM faz parceria com a Câmara Argentina de Fintech

O Jornal da Moeda já tinha noticiado o interesse da IBM na blockchain em: Blockchain é a “Hard Skill” com mais procura no LinkedIn em 2020. Mas a gigante tecnológica não pretende ficar por aqui e está a desenvolver mais uma parceria nos mercados financeiros que promete dar que falar.

Estas iniciativas são as que realmente podem trazer valor para o ecossistema de empresas tecnológicas e inovadoras nos mercados financeiros e enquanto alguns países se dinamizam para criar apoios e parcerias de enorme importância outros criam entraves e processos burocráticos que só atrasam a sua evolução…

A nobre missão de diplomacia tecnológica

Como uma nobre missão de diplomacia tecnológica, o gigante criador de hardware americano IBM, conclui uma parceria com a Câmara Argentina de Fintechs, desta forma a empresa multinacional apoiará a ruptura tecnológica do país e dos setores Financeiros.

A IBM fornecerá a esta agência recursos de ponta para as novas fintechs argentinas, o que inclui materiais de treino, cursos, oficinas e seminários.

Enquanto isso, as organizações que fazem parte terão acesso à tecnologia de nuvem pública da IBM por meio do programa de empreendedorismo “Startup with IBM”. Faz parte do programa Startup with IBM, os empreendedores desenvolverem os seus próprios produtos e serviços com a empresa. Os concorrentes ficam elegíveis para empréstimos subsidiados enquanto ganham até US $ 120.000 anualmente.

Equipada com um domínio baseado em nuvem, a IBM planeia oferecer mais de 130 serviços diferentes para empresas afiliadas e em contrapartida terá acesso a várias plataformas de tecnologia de Inteligência Artificial, Blockchain, Big Data, análise computacional e de segurança.

“ter um parceiro como a IBM é uma estratégia para capacitar as startups em nossa cámera, dando-lhes acesso a mais e melhor tecnologia. ” disse Mariano Biocca, coordenador geral da Câmara Argentina da Fintech.

 

Embora esta colaboração tenha muito potencial para estimular o crescimento empresarial na Argentina, onde a IBM está presente há quase um século, esta permaneceu ativa entre os bancos argentinos e, agora, o conglomerado de tecnologia quer aumentar as suas apostas.

“A IBM acompanha a transformação do setor bancário há mais de noventa e seis anos na Argentina”,“Hoje, o mercado e os clientes exigem soluções mais ágeis, seguras e personalizadas. É por isso que precisamos de uma melhor integração entre todo o ecossistema bancário digital local, incluindo bancos tradicionais e startups de fintech. ” disse Agustín Gattas, diretor de vendas da IBM Argentina.

 

Em resumo, Gattas prevê que esta aliança fortaleça as operações para empresas locais. Ciente do potencial da Argentina, ele espera que a participação da IBM torne a inovação, a aceleração e o crescimento mais tangíveis para as Fintechs nacionais.

IBM na América Latina

Além disso, na Argentina, a gigante tecnologica colaborou com a S4 para transferir a cadeia alimentar do país para uma blockchain. Dessa maneira, o setor pode monitorizar os recursos de maneira mais eficaz e com riscos menores.

Por outro lado, a IBM também atua em toda a região. A poucos meses atrás, por exemplo,  foi associado com Laboratoria do Peru para apoiar a próxima geração de técnicos do sexo feminino.

Considerando tudo, talvez 2020 seja o ano em que a Argentina se tornará o centro de inovação que ambiciona ser.

 

Fonte/Autor: Jacob Atkins