fbpx

Queda do Mercado Cripto gera Ganhos em Wall Street

No dia 13 de Junho, o market cap global do mercado de criptoativos (incluindo tokens e outros ativos digitais) caiu abaixo do $1 trilião – algo que não acontecia desde Janeiro de 2021.

A volatilidade demonstrada neste curto espaço de tempo, não só é reveladora da insegurança e desconfiança por parte de investidores, experientes ou não, como também das fragilidades em termos de liquidez do mercado.

Segundo um artigo do New York Times que aborda a forma como Wall Street conseguiu diminuir os riscos no mais recente bear market. O BNP Paribas, por exemplo, em meados de Novembro de 2021, altura onde o market cap do mercado dos criptoativos estava mais valorizado, revelou uma lista de 50 ações que consideravam sobrevalorizadas, entre elas ações de empresas diretamente ligadas ao mundo dos ativos digitais.

Depois de denominar esta lista como “Cappuccino Basket”, fazendo a alusão à sobrevalorização dos constituintes, o BNP Paribas englobou as 50 ações num produto financeiro que permitia aos investidores lucrar com a desvalorização deste mesmo leque de ações.

Com a desvalorização do market cap do mercado de criptoativos e analisando o último mês, o valor acumulado deste produto duplicou, o que fez com que os clientes do BNP Paribas que investiram no mesmo, contrastassem com o investidor de retalho que investiu em ações ou criptoativos durante a altura da criação do fundo.

Greg Boutle, responsável do BNP Paribas pela criação deste produto, afirmou que “existe uma grande bifurcação entre o posicionamento de retalho e institucional” e recusou-se a revelar a lista de ações sobrevalorizadas.

A descida abrupta dos preços dos criptoativos e do total volume de transações do mercado, não afetou substancialmente o mercado tradicional de valores nem os bancos, uma vez que a percentagem que estes investiram em fundos relacionados com ativos digitais foi residual e sempre de forma a diminuir ao máximo o risco associado.

Nota ainda que no ano passado, o Comité de Supervisão de Bancos de Basileia, propôs classificar ativos digitais como Bitcoin ou Ethereum como investimentos de maior risco possível associado, fazendo com que os bancos tivessem que ter o valor equivalente ao que investem de reserva em dinheiro vivo, de forma a culmatar o risco.

TL;DR

1. O market cap global do mercado de criptoativos tem perdido bastante valor desde o seu pico ($3 triliões), em Novembro de 2021.

2. Só nos últimos três meses, o market cap diminui para menos de metade e a um ritmo constante. Sendo que, atualmente, o volume está perto de cair abaixo da barreira dos 900 mil milhões de dólares.

3. O BNP Paribas, em meados de Novembro de 2021, revelou uma lista de 50 ações que consideravam sobrevalorizadas (incluindo empresas que atuam no universo cripto).

4. Responsável do BNP Paribas pela criação deste produto afirmou que “existe uma grande bifurcação entre o posicionamento de retalho e institucional” e recusou-se a revelar a respetiva lista de ações.